for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Equipe de Trump quer mais debates com Biden na TV

WASHINGTON (Reuters) - O presidente Donald Trump quer participar de mais debates na TV com seu concorrente do Partido Democrata, Joe Biden, antes das eleições presidenciais de 3 de novembro, disse a equipe de campanha de Trump na quinta-feira, um pedido que foi rapidamente rejeitado pela equipe do ex-vice-presidente Biden.

17/06/2020 REUTERS/Tom Brenner

A Comissão de Debates Presidenciais agendou três debates presidenciais e um vice-presidencial, a serem realizados entre 29 de setembro e 22 de outubro.

O gerente de campanha de Trump, Brad Parscale, disse em comunicado que a campanha queria “uma agenda maior” de “debates justos” e que os debates começassem mais cedo para evitar competir por telespectadores com jogos de futebol americano.

O pedido foi feito em uma ligação com a comissão, um organismo apartidário, na quinta-feira, segundo o New York Times.

A Comissão de Debates Presidenciais não respondeu a um pedido de comentário.

“O maior número possível de norte-americanos precisa ver as diferenças gritantes entre as realizações e a liderança do presidente Trump e o histórico de fracasso e apatia de Joe Biden”, disse Parscale.

Trump, um republicano, atualmente está atrás de Biden na maioria das pesquisas nacionais de opinião. Uma pesquisa da Reuters/Ipsos feita no período de 10 a 16 de junho mostrou que 48% dos prováveis eleitores apoiam Biden, contra 35% que apoiam Trump.

O pedido por debates foi uma tentativa de “mudar de assunto da fracassada liderança de Trump”, disse a vice-gerente de campanha de Biden, Kate Bedingfield, em comunicado, apontando que Trump havia dito anteriormente que ele poderia não participar de debates na TV.

“Não vamos andar na montanha-russa da constante mudança de posição da equipe de campanha de Trump sobre os debates, nem nos distrairemos com suas exigências”, disse Bedingfield.

(Por Simon Lewis e Trevor Hunnicutt)

Tradução Redação São Paulo; 55 11 56447727 REUTERS PS

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up