for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Califórnia fecha bares e restaurantes na maior parte do Estado para conter coronavírus

Casal de bicicleta em Huntington Beach, na Califórnia 01/07/2020 REUTERS/Mike Blake

SACRAMENTO, Califórnia (Reuters) - Salões internos de restaurantes, cinemas e outros estabelecimentos serão proibidos de funcionar na maior parte da Califórnia por pelo menos três semanas, diante do aumento de infecções por coronavírus, anunciou o governador do Estado, Gavin Newsom, nesta quarta-feira.

Todos os bares e pubs também terão que fechar as portas em 19 municípios da Califórnia, onde vivem 70% da população do Estado, disse Newsom.

As hospitalizações e mortes por Covid-19 têm aumentado no Estado mais populoso dos Estados Unidos, principalmente a partir do fim de semana do feriado do Memorial Day, em 31 de maio. Nas últimas 24 horas, 110 pessoas morreram na Califórnia, disse o governador.

A decisão abrange algumas das áreas mais densamente povoadas do Estado, incluindo os condados de Los Angeles e Orange, bem como a capital do Estado, Sacramento.

((Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223-7128))

REUTERS PF

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up