for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Casa Branca pede que Congresso aprove venda de armas para Taiwan, dizem fontes

WASHINGTON (Reuters) - A Casa Branca deu um passo à frente em três vendas de armas avançadas para Taiwan ao enviar, nos últimos dias, uma notificação sobre o negócio ao Congresso em busca de aprovação, afirmaram duas fontes com conhecimento da situação, nesta segunda-feira.

Em setembro, a Reuters relatou que até sete grandes sistemas bélicos passavam pelo processo de exportação, com a administração Trump aumentando a pressão sobre a China.

Líderes dos comitês de Relações Exteriores do Senado e da Câmara foram notificados que três das vendas planejadas de armas haviam sido aprovadas pelo Departamento de Estado dos EUA, que supervisiona a programa estrangeiro de vendas militares, disseram as fontes.

Reportagem de David Brunnstrom e Patricia Zengerle

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up