for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Metade dos indianos pode ter tido coronavírus até fevereiro, estima governo

Homem tem material colhido para exame de coronavírus em Nova Délhi 17/10/2020 REUTERS/Adnan Abidi

MUMBAI (Reuters) - Ao menos metade da população de 1,3 bilhão de habitantes da Índia deverá ter sido infectada pelo novo coronavírus até fevereiro próximo, o que ajudará a refrear a disseminação da doença, disse nesta segunda-feira um membro de um comitê do governo encarregado de fornecer projeções.

Até agora, a Índia relatou 7,55 milhões de casos do coronavírus, e só perde para os Estados Unidos em termos de total de infecções.

Mas as infecções de Covid-19 estão diminuindo na Índia depois de atingirem um pico em setembro, com 61.390 casos novos relatados em média por dia, de acordo com uma contagem da Reuters.

“Nosso modelo matemático estima que cerca de 30% de nossa população está infectada atualmente, e isto pode chegar a 50% até fevereiro”, disse Manindra Agrawal, professor do Instituto Indiano de Tecnologia de Kanpur e membro do comitê, à Reuters.

A estimativa do comitê para a proliferação atual do vírus é muito maior do que a dos estudos serológicos do governo federal, que mostraram que somente cerca de 14% da população foi infectada até setembro.

Mas Agrawal disse que os estudos serológicos podem não ser capazes de obter amostras absolutamente corretas por causa da dimensão gigantesca da população que estão analisando.

Ao invés disso, o comitê de virologistas, cientistas e outros especialistas, cujo relatório foi divulgado no domingo, se baseou em um modelo matemático.

“Aprimoramos um novo modelo que leva em conta explicitamente os casos não relatados, por isso podemos dividir as pessoas infectadas em duas categorias: casos relatados e infecções que não são relatadas”, disse Agrawal.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up