for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Com encerramento dos debates, Trump e Biden entram na reta final da campanha

Trump e Biden participam do último debate da corrida eleitoral de 2020 22/10/2020 Morry Gash/Pool via REUTERS

NASHVILLE, EUA (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o rival Joe Biden iniciam uma arrancada final nos 11 últimos dias da corrida presidencial nesta sexta-feira, um dia depois de discutirem sobre a pandemia de Covid-19 e a integridade pessoal em seu segundo e último debate.

Trump, de 74 anos, fará dois comícios no Estado-chave da Flórida, onde pesquisas de opinião mostram uma disputa acirrada. Biden, de 77, fará um discurso no Delaware, Estado em que reside, a respeito de seus planos para comandar uma recuperação da pandemia.

Mais de 47 milhões de norte-americanos já depositaram seus votos presencialmente ou pelo correio --cerca de oito vezes o número de votos antecipados depositados mais ou menos à mesma altura de 2016--, o que dá a Trump, que aparece atrás em pesquisas de opinião nacionais, menos oportunidades de mudar opiniões antes da eleição de 3 de novembro.

A pandemia transtornou as tradições de campanha, e seus efeitos ainda estão sendo sentidos. Os norte-americanos podem ter que esperar dias ou semanas para saber quem venceu enquanto as autoridades eleitorais contam dezenas de milhões de votos recebidos pelo correio.

A Covid-19 emergiu como principal tema da campanha, e sondagens mostram que a população confia mais em Biden do que em Trump para lidar com a crise de saúde, que já matou mais de 221 mil pessoas no país e acabou com milhões de empregos, complicando ainda mais a tentativa de reeleição do presidente.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up