for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

EUA podem começar a distribuir vacina contra Covid-19 antes do fim do ano, diz Fauci

Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos. 23/9/2020. Graeme Jennings/Pool via REUTERS

WASHINGTON (Reuters) - O diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, Anthony Fauci, saudou nesta segunda-feira a notícia sobre a vacina contra o coronavírus desenvolvida pela Pfizer como “um grande avanço”, e disse que os EUA poderão ter doses prontas para serem administradas nas pessoas antes do final do ano.

Em entrevista à CNN, Fauci disse acreditar que permanecerá em sua função atual por enquanto, e afirmou que não tem intenção de sair do cargo.

O presidente Donald Trump, que está tentando contestar sua aparente derrota na eleição presidencial da semana passada para o democrata Joe Biden nos tribunais, criticou publicamente Fauci e não conversa com a principal autoridade do país para o combate a doenças infecciosas desde o início de outubro, segundo Fauci.

A fala de Fauci ocorre no dia em que duas gigantes farmacêuticas --a norte-americana Pfizer e a alemã BioNTech-- anunciaram que a vacina que desenvolvem contra a Covid-19 possui pelo menos 90% de eficácia, segundo dados das empresas ainda não revisados de forma independente.

Reportagem de Lisa Lambert

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up