20 de Agosto de 2017 / às 15:29 / em 4 meses

Grã-Bretanha busca evitar uso de veículos de aluguel em atentados

LONDRES (Reuters) - A Grã-Bretanha está analisando formas de impedir “o uso malicioso de veículos de aluguel”, incluindo quais seriam ações adicionais que empresas de aluguel podem adotar, informou o Ministério dos Transportes neste domingo, após dois ataques na Espanha matarem 14 pessoas.

Os ataques --um em Barcelona, onde um agressor jogou uma van contra aglomerações, matando 13 pessoas, e outro em Cambrils, no qual cinco homens a bordo de um veículo dirigiram ao longo de uma passarela, matando uma mulher-- ecoaram as táticas usadas por alguns militantes islâmicos em Londres.

A polícia disse que, ao usarem veículos de aluguel, esses ataques tornam-se muito difíceis de prevenir.

“A ameaça do terrorismo está mudando e nossa resposta também deve mudar. É por isso que estamos revisando nossas estratégias e recursos de combate ao terrorismo e por isso que mobilizamos recursos adicionais no combate ao terrorismo”, disse um porta-voz do governo.

“O Departamento de Transportes também está trabalhando com a polícia e com a indústria de aluguel de veículos para explorar o que mais pode ser feito para evitar o uso malicioso de carros alugados. Isso inclui olhar para o que mais essas empresas podem fazer antes que um indivíduo possa contratar um veículo.”

Reportagem de Elizabeth Piper

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below