31 de Agosto de 2017 / às 22:40 / em 3 meses

Equipes de resgate em caminhões e helicópteros salvam texanos presos por enchentes do Harvey

PORT ARTHUR (Reuters) - Soldados e policiais em helicópteros e caminhões especiais para terrenos alagados resgataram nesta quinta-feira milhares de texanos presos por enchentes do furacão Harvey, que matou dezenas de pessoas ao passar pela Costa do Golfo nesta semana.

Helicóptero participa de resgate em hospital no sul do Texas 31/8/2017 REUTERS/Mica Rosenberg

Cerca de 779 mil texanos foram orientados a deixar suas casas e outros 980 mil saíram voluntariamente em meio a preocupações de que reservatórios e rios cheios podem produzir novas enchentes, de acordo com a secretária em exercício do Departamento de Segurança Nacional, Elaine Duke.

O Harvey chegou à costa no final da sexta-feira como o furacão mais poderoso a atingir o Texas em meio século, mas foi rebaixado para uma depressão tropical nesta quinta-feira, conforme seguia em direção ao interior.

    Jessica Richard, de 24 anos, disse ter aguardado passar a tempestade em sua casa em Port Arthur até a manhã desta quinta-feira, quando a água em sua rua atingiu a altura da cintura. Ela foi resgatada por um caminhão.

    “Toda minha família está salva, mesmo que alguns por um triz”, disse ela, acrescentando que seu sobrinho ficou preso durante a noite com diversos outros membros da família em um apartamento inundado. “Ele disse que havia cobras na água e aranhas subindo as paredes. Mas eles escaparam.”

Ao menos 38 pessoas morreram ou podem ter morrido em seis condados, incluindo Houston e arredores, de acordo com autoridades locais.

    No polo energético dos Estados Unidos, Houston, que foi paralisado pela tempestade nesta semana, bombeiros realizaram uma busca em quarteirões de casas para resgatar sobreviventes e recuperar corpos.

    Em Beaumont, Texas, cerca de 130 quilômetros a leste de Houston, médicos e enfermeiros retiraram cerca de 190 pessoas de um hospital que parou operações após a tempestade bloquear o serviço de água na cidade de quase 120 mil habitantes.

    O Condado de Orange, que faz fronteira com Beaumont, ordenou nesta quinta-feira que moradores remanescentes deixassem a área em meio a previsões de que o rio Neches irá transbordar na sexta-feira, ameaçando casas.

A leste de Rose City, Texas, uma fila de carros e caminhões passava por água na rodovia interestadual. Um comboio de voluntários civis do grupo “Cajun Navy”, que tem realizado resgates durante toda a semana, aguardava à medida que seu líder, Phil Drager, negociava com autoridades da Patrulha Rodoviária do Texas para parar o tráfego e permitir que o grupo usasse um aerobarco para uma missão de reconhecimento.

“Agora posso acrescentar o fechamento de uma importante rodovia interestadual ao meu currículo”, disse Drager.

Ryan House, de 44 anos, e sua mãe, Sally, de 79, viajaram até o Hospital Batista Beaumont para buscar remédios, somente para encontrar um processo completo de retirada.

“Eu tenho remédio suficiente somente para agora”, disse House, conforme virava e andava de volta ao seu carro na cidade.

Embora 32 mil pessoas da região tenham seguido para abrigos de emergência, a família House planejava continuar em casa.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below