April 5, 2018 / 12:02 PM / 7 months ago

Senado mexicano repreende Trump por plano de enviar Guarda Nacional para fronteira com México

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante coletiva de imprensa na Casa Branca, em Washington 03/04/2018 REUTERS/Carlos Barria

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - O Senado do México repreendeu severamente o presidente norte-americano, Donald Trump, na quarta-feira, pedindo que seu governo mexicano qualquer cooperação com os Estados Unidos em assuntos de imigração e segurança devido aos planos de Trump de usar a Guarda Nacional para proteger a fronteira entre os dois países.

Em uma moção aprovada por unanimidade no plenário do Senado, os parlamentares também condenaram a agressiva retórica de Trump em relação ao México, descrevendo a decisão do presidente dos EUA de enviar soldados para a fronteira como “mais um insulto”.

“A conduta (de Trump) tem sido permanentemente e sistematicamente, não apenas desrespeitosa, mas ofensiva, baseada em preconceitos e desinformação e fazendo uso frequente de ameaças e chantagem”, disse Laura Rojas, líder da comissão de relações exteriores do Senado, em apoio a moção.

O governo Trump está trabalhando com quatro Estados do sudoeste dos Estados Unidos para deslocar os soldados da Guarda, que não estarão envolvidos na aplicação da lei, disse a secretária de Segurança Interna norte-americana, Kirstjen Nielsen.

A decisão do Senado mexicano não é vinculativa e é improvável que desencadeie alguma mudança nas políticas do país.

Reportagem de Julia Love; Reportagem adicional de Dave Graham

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below