May 18, 2018 / 11:05 AM / 6 months ago

Israel mantém moradores de Gaza "enjaulados em favela tóxica", diz chefe de direitos humanos da ONU

Menino palestino espera para viajar ao Egito pela travessia de fronteira de Rafah, na Faixa de Gaza 18/05/2018 REUTERS/Ibraheem Abu Mustafa

GENEBRA (Reuters) - Israel tem privado palestinos sistematicamente de seus direitos humanos, com 1,9 milhão de pessoas em Gaza “enjauladas em uma favela tóxica do nascimento até a morte”, disse nesta sexta-feira o chefe de direitos humanos da ONU, Zeid Ra’ad al-Hussein.

Abrindo uma sessão especial do Conselho de Direitos Humanos da ONU que pode estabelecer uma comissão de inquérito sobre a violência recente em Gaza, Zeid criticou duramente Israel, dizendo que as forças de segurança israelenses mataram 60 palestinos somente na segunda-feira.

“Ninguém ficou mais seguro pelos terríveis acontecimentos da semana passada”, disse. “Acabem com a ocupação e a violência, e a insegurança desaparecerá em grande parte”.

Reportagem de Tom Miles

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below