May 23, 2018 / 12:11 PM / 6 months ago

Mídia estrangeira inicia maratona para acompanhar fechamento de instalação nuclear da Coreia do Norte

SEUL (Reuters) - Jornalistas do mundo todo iniciaram uma verdadeira maratona para chegar a uma instalação de testes nucleares da Coreia do Norte nesta quarta-feira, depois que Pyongyang autorizou de última hora a visita de membros da mídia sul-coreana para acompanharem o que o governo norte-coreano anuncia como o fechamento de sua única estrutura de testes nucleares.

Jornalistas sul-coreanos que irão visitar local de testes nucleares da Coreia do Norte chegam a aeroporto de Wonsan, na Coreia do Norte 23/05/2018 News1/Pool via REUTERS

Serão 11 horas de viagem de trem, quatro horas de ônibus e uma caminhada de mais uma hora, disse o repórter da rede RT, da Rússia, no Twitter.

O convite à mídia sul-coreano foi visto como um sinal de que a oferta inesperada da Coreia do Norte de encerrar os testes nucleares ainda está de pé, após Pyongyang suspender conversas com Seul e ameaçar desistir de uma cúpula entre seu líder, Kim Jong Un, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Na terça-feira Trump disse existir uma “chance substancial” de a cúpula com Kim não acontecer.

Pyongyang convidou a mídia internacional para observar a destruição com explosivos da instalação de Punggye-ri, mas não especialistas, como prometido inicialmente, criando dúvidas sobre o quão verificável o plano é e se será seguro.

O regime também se recusou a receber repórteres sul-coreanos depois de cancelar conversas intercoreanas em planejamento para protestar contra os exercícios de combate aéreo “Max Thunder” entre a Coreia do Sul e os EUA.

A Coreia do Norte sempre justificou seu programa nuclear dizendo se tratar de uma ferramenta de dissuasão contra uma suposta hostilidade norte-americana.

Repórteres de veículos de notícias de outros países disseram no Twitter que chegaram a Wonsan, cidade portuária norte-coreana, na terça-feira. Os oito jornalistas sul-coreanos chegaram à localidade nesta quarta-feira, sendo obrigados a deixar seus detectores de radiação, seus telefones via satélite e seus mouses Bluetooth antes de partirem rumo à instalação de testes, de acordo com reportagens da mídia sul-coreana.

A Coreia do Norte anunciou que usará explosivos para fechar os túneis de testes, o que deve ocorrer na quinta ou sexta-feira.

O Ministério da Unificação de Seul saudou a decisão de Pyongyang de aceitar os sul-coreanos.

“Esperamos uma concretização breve da desnuclearização completa da península coreana através de uma cúpula Coreia do Norte-EUA e do diálogo em vários níveis, começando com a abolição da instalação de testes nucleares”, disse o porta-voz do ministério, Baik Tae-hyun, em um boletim.

Reportagem adicional de Joori Roh e Josh Smith, em Seul, e Ben Blanchard, em Pequim

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below