May 29, 2018 / 10:45 PM / 6 months ago

Venezuela adia reconversão monetária a pedido de bancos

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em Caracas, Venezuela 24/05/2018 REUTERS/Marco Bello

CARACAS (Reuters) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse nesta terça-feira que a medida para eliminar três zeros da moeda venezuelana prevista para 4 de junho será adiada por pelo menos 60 dias, após pedido de um banco privado, que alertou sobre os “risco muito grandes” caso a mudança não fosse postergada.

Maduro anunciou em março a reconversão monetária e ordenou a impressão de uma nova família de cédulas, sob o argumento de que elas facilitariam as transações bancárias no país que sofre uma grave falta de dinheiro desde 2017.

Porém, até segunda-feira, a medida causava nervosismo entre empresas e clientes, porque os novos “bolívares soberanos” ainda não haviam chegado aos bancos para iniciar os testes técnicos que antecipariam a medida, disseram fontes à Reuters.

Um representante da Associação Bancária da Venezuela propôs nesta terça-feira adiar a mudança da moeda por 90 dias, em reunião com o presidente que foi transmitida pela televisão estatal da Venezuela.

Por Corina Pons

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below