October 3, 2018 / 6:58 PM / 15 days ago

Senadores republicanos criticam Trump por zombar de mulher que acusa juiz Kavanaugh

Por David Alexander e Amanda Becker

Trump fala com jornalistas 2/10/2018 REUTERS/Leah Millis

WASHINGTON (Reuters) - Dois republicanos moderados que podem ser essenciais para determinar se o Senado confirma Brett Kavanaugh, indicado à Suprema Corte dos Estados Unidos, criticaram o presidente Donald Trump nesta quarta-feira por zombar de uma mulher que acusou o juiz de agressão sexual.

Os senadores Jeff Flake e Susan Collins são alguns dos parlamentares que desaprovaram os comentários que Trump fez a respeito de Christine Blasey Ford, professora universitária do Estado da Califórnia que detalhou sua alegação de agressão sexual contra Kavanaugh em uma audiência extraordinária do Comitê Judiciário do Senado na semana passada.

    Trump debochou do depoimento de Christine a respeito do suposto ataque em Maryland em 1982, quando ela tinha 15 anos e Kavanaugh 17, em um evento político no Mississippi na noite de terça-feira.

    Christine disse não se lembrar precisamente da data e do local da suposta agressão ou de como chegou em casa mais tarde, mas ofereceu um relato detalhado do incidente em si, durante o qual um Kavanaugh bêbado a segurou, tentou despi-la e cobriu sua boca quando ela gritou.

    “Em que bairro foi? Não sei. Onde fica a casa? Não sei. Na parte de cima, na parte de baixo, onde foi? Não sei. Mas bebi uma cerveja. É só disso que lembro”, disse Trump, ele mesmo acusado de má conduta sexual por várias mulheres durante a campanha presidencial de 2016, imitando o depoimento da professora.

    “E a vida de um homem está em farrapos”, acrescentou.

Flake disse no programa “Today”, da rede NBC, que “não existe hora nem lugar para comentários como estes, que debatem algo tão delicado em um evento político”.

    “Não está certo. Gostaria que ele... não tivesse feito isso. Só digo que é um tanto assombroso”, disse Flake a respeito da fala de Trump.

    Conversando brevemente com os repórteres, Susan disse: “Os comentários do presidente foram simplesmente errados”. Ela não respondeu quando indagada se as colocações afetarão seu voto na confirmação de Kavanaugh.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below