November 3, 2018 / 1:54 PM / a month ago

Atirador mata duas mulheres durante aula de yoga na Flórida

(Reuters) - Duas mulheres foram mortas quando um atirador abriu fogo em um estúdio de yoga na Flórida antes que alunos entrassem em briga contra o responsável pelo ataque, que se suicidou em seguida, disse a polícia neste sábado.

As mulheres, identificadas como Nancy Van Vessem, 61, e Maura Binkley, 21, morreram a tiros na tarde de sexta-feira, quando Scott Beierle, 40, abriu fogo sobre o estúdio Hot Yoga, em um shopping center na capital da Flórida, Tallahassee, disse o departamento de polícia da cidade em comunicado.

Quatro pessoas ficaram feridas com o ataque, além de um homem que levou uma coronhada do atirador, disse o Departamento de Polícia de Tallahassee.

“Há indícios de que várias pessoas não apenas lutaram (contra o atirador), mas tentaram salvar outras pessoas”, disse o chefe de polícia Michael DeLeo a jornalistas.

Dois dos feridos estão em condições estáveis e três já foram liberadors de um hospital local, segundo a polícia.

O atirador parece ter agido sozinho e a polícia tem procurado por ligações entre ele e as vítimas, adicionou Deleo.

Por Brendan O'Brien em Milwaukee

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below