November 12, 2018 / 10:55 PM / a month ago

Premiê britânica diz que negociações do Brexit estão chegando ao "final do jogo"

Por Andrew MacAskill e Elizabeth Piper

Primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, durante evento em Londres 12/11/2018 REUTERS/Henry Nicholls

LONDRES (Reuters) - A primeira-ministra britânica, Theresa May, disse nesta segunda-feira que ainda havia uma série de questões não resolvidas com a União Europeia em relação ao Brexit enquanto os dois lados se aproximam do “final do jogo” em negociações para saída do bloco. 

O plano de concessões de May, que busca manter laços comerciais próximos com a União Europeia no futuro, enfrenta oposição dos apoiadores do Brexit, dos pró-Europeus, do partido da Irlanda do Norte, que compõe seu governo, e até de alguns de seus ministros. 

“As negociações para o nosso desembarque estão agora no final do jogo”, disse May em um discurso no Guildhall, no distrito financeiro de Londres. “Estamos trabalhando muito duro, noite adentro, para avançar nas questões remanescentes no acordo de retirada, que são significativas.” 

Com menos de cinco meses até o Reino Unido deixar a UE, as conversas emperraram em discordâncias sobre a fronteira da Irlanda do Norte, uma política de seguros para garantir que não haveria uma fronteira na ilha da Irlanda caso uma futura relação comercial não seja acertada a tempo. 

A tentativa de May de desbloquear as negociações a considerar uma extensão do período de transição para além da data final proposta de dezembro de 2021 já enfureceu desde os mais céticos com a UE até os apoiadores do bloco de seu partido. 

Temores de que propostas significariam manter o Reino Unido dentro da união alfandegária da UE indefinidamente ou de que a Irlanda do Norte teria de aceitar regras diferentes e regulações ao resto do Reino Unido tiveram oposição ao acordo de May. 

As negociações continuam nesta semana, mas autoridades alertam que, a não ser que haja um progresso dramático até o final de quarta-feira, é improvável que haja uma conferência neste mês para aprovar um acordo do Brexit. 

As negociações do Brexit com a UE duraram o domingo todo até às 2h45 de segunda-feira, e foram retomadas na manhã. 

Ambos os lados precisam de um acordo para manter o comércio fluindo entre o maior bloco comercial do mundo e a quinta maior economia global. 

A primeira-ministra disse ao público em seu discurso anual no Banquete do Lorde Prefeito que ela não concordaria em um acordo o Brexit “a qualquer custo”. 

“Ambos os lados querem chegar a um acordo. Mas o que estamos negociando é imensamente difícil”, disse May. “Este não será um acordo a qualquer custo”.

Tradução Redação São Paulo, 5511 56447759 REUTERS ES

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below