November 28, 2018 / 8:13 PM / 17 days ago

Menu de líderes na cúpula do G20 na Argentina terá vinho, carne e "choripán"

Mulher prepara "choripán" em rua de Buenos Aires 28/11/2018 REUTERS/Agustin Marcarian

BUENOS AIRES (Reuters) - Os líderes dos países com as maiores economias do mundo degustarão vinhos, carnes e até o típico “choripán” da Argentina nos almoços e no jantar de gala durante a cúpula do G20 em Buenos Aires.

Os pratos que serão servidos às autoridades durante o que se espera que seja uma agenda intensa, que incluirá um encontro entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu colega chinês, Xi Jinping, no momento em que ambos travam uma guerra comercial tensa, serão exemplares clássicos da gastronomia local.

“A ideia foi destacar os produtos argentinos, tudo com produtos da estação, da primavera, e tipicamente argentinos, que nos representem”, disse à Reuters, nesta quarta-feira, Tommy Perlberger, um dos chefs e donos da EAT, a empresa encarregada da alimentação durante a cúpula.

    Perlberger explicou que na sexta-feira os líderes almoçarão olho de bife —um corte de carne bovina— com flan de doce de leite e sorvete de coco de sobremesa. Mas o toque mais “criollo” da primeira refeição do evento serão os “choripanes” que serão servidos como entrada.

    O choripán é uma comida popular da Argentina, que consistente em um chouriço cozido nas brasas que se come com pão. As fumegantes postas de choripán costumam ser encontradas nos arredores dos estádios de futebol argentino.

    “Fizemos toda uma busca de qual era o melhor chouriço que existe na Argentina. Pedimos que os fizessem especialmente de um tamanho para que não seja muito grosso nem pequeno demais, e o pão tinha que ser um pão típico de padaria argentina”, detalhou Perlberger.

    Na noite de sexta-feira, no jantar de gala que será realizado no mundialmente famoso Teatro Colón, o EAT servirá aos dignitários um “roll” de caranguejo proveniente da província da Terra do Fogo com abacate e crocante de amêndoas, enquanto o prato principal do sábado será cordeiro patagônico na brasa.

    As refeições serão acompanhadas de vinhos de lugares diferentes da Argentina, e tanto os almoços como o jantar terminarão com o costume argentino de tomar um café.

    “Tenho 30 anos de carreira, fiz muitos eventos importantes, e este sem dúvida está no pódio”, disse Perlberger, que acrescentou que “adoraria que os presidentes partam encantados com nossos produtos e que em algum momento, quem sabe, isso renda alguma compra deles”.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below