June 29, 2019 / 8:22 PM / in 3 months

Trump recorre de decisão judicial que bloqueou recursos para muro na fronteira

(Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recorreu neste sábado da decisão judicial que impediu seu governo de utilizar 2,5 bilhões de dólares em recursos destinados ao combate às drogas para a construção de um muro na fronteira com o México.

De acordo com documentos no processo, os advogados do Departamento de Justiça dos EUA oficializaram no 9º Circuito da Corte de Apelação norte-americana o recurso conta a decisão de sexta-feira.

“Estamos recorrendo imediatamente, e achamos que vamos vencer a apelação”, disse Trump em uma entrevista coletiva neste sábado, durante a cúpula do G20, no Japão. “Não há razão para que isso tenha acontecido”, acrescentou.

Trump alega que a construção do muro ao longo da fronteira entre os EUA e o México é necessária para impedir a entrada de imigrantes ilegais e de drogas, mas até o momento não conseguiu que o Congresso aprove a medida.

Em fevereiro, o governo Trump declarou uma emergência nacional para redirecionar 6,7 bilhões de dólares em fundos que o Congresso havia destinado a outros propósitos para a construção do muro, que é contestado por diferentes grupos e Estados, como a Califórnia.

Na sexta-feira, o juiz Haywood Gilliam, de Oakland, na Califórnia, disse em um par de decisões judiciais ser ilegal a proposta do governo Trump de redirecionar fundos do Departamento de Defesa originalmente destinados ao combate às drogas.

Reportagem adicional de Makini Brice

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below