February 24, 2020 / 7:42 PM / 3 months ago

Mahathir renuncia ao cargo de premiê da Malásia aos 94 anos, mas permanece como interino

KUALA LUMPUR (Reuters) - Mahathir Mohamad renunciou inesperadamente ao cargo de primeiro-ministro da Malásia nesta segunda-feira, deixando o país em turbulência política, mas concordou com um pedido do rei da nação do sudeste asiático para permanecer como premiê interino até que um sucessor seja nomeado.

A renúncia de Mahathir, de 94 anos, rompeu uma coalizão com o antigo rival Anwar Ibrahim, de 72, que surpreendeu ao vencer as eleições em 2018. Não fazia parte de uma promessa pré-eleitoral que Mahathir acabaria cedendo o poder a Anwar.

A decisão, que Mahathir não explicou, ocorreu após conversas do fim de semana entre membros de sua coalizão e a oposição sobre a formação de um novo governo.

A turbulência política, juntamente com o alarme na região sobre a disseminação do novo coronavírus, causaram a queda da moeda, de títulos e do mercado de ações na Malásia.

Diferenças têm surgido entre Mahathir e Anwar devido aos atrasos na transferência planejada do poder, apresentando a alguns políticos anti-Anwar uma janela para tentar buscar uma nova coalizão.

O rei aceitou a renúncia depois de reunião com Mahathir, disse o secretário-chefe Mohd Zuki Ali em comunicado.

“No entanto, Sua Alteza concordou em nomear Mahathir Mohamad como primeiro-ministro interino enquanto aguarda a nomeação do novo primeiro ministro”, afirmou Mohd Zuki.

Reportagem adicional de Rozanna Latiff, Liz Lee, Krishna N. Das e Tom Westbrook

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below