for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Itália supera 200 mil casos de coronavírus e número diário de mortes tem alta

Homens usam máscaras de proteção contra o coronavírus enquanto jogam cartas na cidade italiana de San Fiorano 27/02/2020 Marzio Toniolo/via REUTERS

ROMA (Reuters) - As mortes pela epidemia de Covid-19 na Itália subiram em 382 nesta terça-feira, contra alta de 333 no dia anterior, informou a Agência de Proteção Civil do país, enquanto o total de pessoas infectadas desde o início do surto ultrapassou 200 mil.

O número diário de novas infecções ficou em 2.091, acima dos 1.739 casos registrados na segunda-feira.

O número diário de mortes, de 382, foi o mais alto desde sábado, e o número total de fatalidades na Itália desde que a epidemia veio à tona, em 21 de fevereiro, agora é de 27.359, informou a agência --a segunda maior quantidade de óbitos do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

O total de casos oficialmente confirmados, incluindo aqueles que morreram e os que se recuperaram, já soma 201.505, a terceira maior contagem global, atrás dos Estados Unidos e da Espanha.

As pessoas registradas como portadoras da doença caíram de 105.813 para 105.205, em comparação com a leitura de segunda-feira.

Nesta terça-feira, havia 1.863 pessoas em terapia intensiva, contra 1.956 anteriormente, mantendo um declínio de longa duração. Dos originalmente infectados, 68.941 foram declarados recuperados, contra 66.624 no dia anterior.

A agência disse que 1.275 milhão de pessoas foram testadas para o vírus, contra 1.237 milhão no dia anterior, em uma população de cerca de 60 milhões de pessoas.

Por Gavin Jones

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up