for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Califórnia deve reabrir economia assim que testes e rastreamento melhorem, dizem autoridades

Guarda-vida em praia da Califórnia 27/04/2020 REUTERS/Mike Blake

(Reuters) - Alguns locais de trabalho, escolas e creches poderão reabrir gradualmente no Estado norte-americano da Califórnia assim que o governo melhorar a capacidade de testagem para o coronavírus e o rastreamento de contatos, afirmou a responsável pela saúde pública do Estado nesta terça-feira.

A segunda fase da resposta da Califórnia à Covid-19 permitiria a retomada do comércio para retirada nas calçadas, algumas manufaturas e trabalhos de escritório que não possam ser feitos a partir de casa, afirmou Sonia Angel, diretora de Saúde Pública do Estado, em entrevista coletiva.

O governador da Califórnia, Gavin Newson, lembrou em pronunciamento que “a fase dois é daqui duas semanas, não meses”.

Programas escolares modificados, o início antecipado do ano escolar e a reabertura das creches infantis ajudariam a força de trabalho a voltar às suas atividades, disse Newson.

Empresas terão de ter “substituição salarial” em vigência para que os trabalhadores fiquem em casa se adoecerem, disse Angell.

O Estado estará pronto para essa reabertura inicial assim que chegar, a nível estatal, aos requisitos necessários de rastreamento de contatos, testes, e equipamentos de proteção pessoal para atender a demanda e à estabilização em hospitalizações por conta do coronavírus.

Atividades e empresas de maior risco, como espetáculos e reuniões grandes, precisarão de meses para reiniciar, acrescentou Newson.

Reportagem de Andrew Hay em Taos, Novo México

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up