for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Trump dará "boas notícias" ao retomar coletivas sobre coronavírus, diz Casa Branca

16/06/2020 REUTERS/Jonathan Ernst

WASHINGTON (Reuters) - Quando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, retomar as coletivas de imprensa sobre o coronavírus nesta terça-feira, se concentrará em suas conquistas e nas novidades positivas sobre tratamentos e vacinas, de acordo com a porta-voz da Casa Branca, Kayleigh McEnany.

As entrevistas “podem ser diárias”, e normalmente ocorrerão às 17h ou 18h do horário local, disse McEnany à rede Fox News. À medida que o novo coronavírus começou a se propagar rapidamente nos EUA nesta primavera, Trump passou a levar ao estrado da sala de imprensa especialistas a cargo da luta contra a doença e passou horas respondendo perguntas e compartilhando suas ideias sobre como tratar as infecções. As coletivas diminuíram durante o verão.

McEnany disse que, quando Trump voltar ao púlpito para falar sobre o coronavírus, que já cobrou a vida de mais de 140 mil norte-americanos, pretende “responder perguntas sobre estas, dar muitas notícias boas sobre terapias e vacinas e o caminho adiante em meio a este vírus e mostrar nossa reação histórica também”.

Na manhã desta terça-feira, a CNN noticiou que não ficou claro se os doutores Anthony Fauci e Deborah Birx, autoridades da força-tarefa contra o coronavírus que se tornaram figuras reconhecidas durante as coletivas da primavera, compareceriam nesta terça-feira. O vice-presidente, Mike Pence, que lidera a força-tarefa, está viajando.

Em uma coletiva posterior, McEnany disse que “vocês terão que ligar para ver” se outros membros da força-tarefa comparecerão.

Durante uma visita à Carolina do Sul nesta terça-feira, Pence disse que membros da força-tarefa têm percorrido o país para debater a pandemia, dizendo que visitará a Flórida “dentro de poucos dias”.

“Achamos que é importante nossa equipe estar em campo, estarmos trabalhando de perto com governadores e com autoridades de saúde”, disse ele. “Mas continuaremos a informar, continuaremos a informar o país daqui em diante.”

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up