for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Presidente da Bolívia diz que venceu coronavírus e voltou ao trabalho

Presidente interina da Bolívia, Jeanine Añez, participa de cerimônia em La Paz, Bolívia 13/3/2020 REUTERS/David Mercado

LA PAZ (Reuters) - A presidente interina da Bolívia, Jeanine Añez, disse nesta terça-feira que se recuperou do coronavírus e voltou ao trabalho.

“Obrigada de todo o coração pelo amor e o apoio durante minha doença do coronavírus”, tuitou Añez. “Os bolivianos são uma grande família. Seguiremos em frente.”

Añez, ex-senadora conservadora de 52 anos que assumiu a presidência em novembro após a renúncia do líder de esquerda Evo Morales, disse no dia 9 de julho que foi diagnosticada com coronavírus e que se isolaria na residência presidencial.

Várias autoridades do governo da Bolívia, incluindo o ministro da Saúde, contraíram o vírus. O país sul-americano já registrou 69.429 casos e 2.583 mortes ligadas à doença, de acordo com os dados governamentais mais recentes.

Añez concorrerá na próxima eleição presidencial boliviana, que foi adiada para 18 de outubro por causa das dificuldades causadas pela pandemia de coronavírus na nação.

Por Monica Machicao e Daniel Ramos

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up